Nova plataforma do INSS para atender os cidadãos está prestes a ser lançada. Veja como funciona

SECMESP - Sindicato dos Empregados de
Cooperativas Médicas no Estado de São Paulo
SECMESP
Sindicato dos Empregados de Cooperativas Médicas
no Estado de São Paulo
SECMESP
Sindicato dos Empregados
de Cooperativas Médicas
no Estado de São Paulo
SECMESP - Sindicato dos Empregados
de Cooperativas Médicas no Estado de São Paulo
SECMESP
Menu
Ir para

Nova plataforma do INSS para atender os cidadãos está prestes a ser lançada. Veja como funciona

SECMESP - Site Oficial
Publicado por Giovanny-MKT em Notícias · 12 Setembro 2022
Tags: inss
Um dos órgãos que mais possuem relação com as pessoas depois dos 18 anos é o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). Isso porque o órgão é responsável pela Previdência, o que atinge os trabalhadores e aposentados.

Ele também oferece diversos benefícios para a população que não trabalha e também não realizou contribuições com as Previdências Sociais. Como a instituição atende tantas pessoas, agora, uma nova plataforma foi lançada para conseguir melhorar esse procedimento.

Novo atendimento do INSS

De acordo com uma nova portaria publicada na última sexta-feira no Diário Oficial da União (DOU), as questões relacionadas aos benefícios do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) que foram concedidos por meio judicial terão que ser realizadas através do Portal de Atendimento (PAT)

Agora, a iniciativa poderá dar mais celeridade à implantação do chamado Benefícios de Prestação Continuada (BPC) ao idoso e também às pessoas com deficiência, é o que dizem os especialistas. Além dessas pessoas, os beneficiados por incapacidade permanente também poderão aproveitar a novidade.

As demandas serão recebidas de maneira automática a partir do sistema. Ele entrará em vigor no dia 1º de outubro de 2022. Essa plataforma passará a ser utilizada com o objetivo de oferecer os subsídios necessários para que seja realizada a defesa judicial do instituto.

Outras serviços da plataforma

Além da novidade acima, também foi implementada a integração do Sistema INSSJUD juntamente com o Sistema do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) utilizando então a plataforma Digital do Poder Judiciário (PDPJ). Com essa novidade os usuários poderão realizar visitas acerca das  demandas judiciais.

Estarão disponíveis então: consumo automático do dossiê médico e previdenciário; automatização das comunicações judiciais; e implantação judicial automática de benefícios.
De acordo com a presidente do Instituto Brasileiro de Direito Previdenciário (IBDP), o processo de cumprimento de decisões judiciais atualmente acaba por demorar muito, pois depende não só dos tribunais como também dos sistemas de informação do INSS.

Adriane Bramante explica que atualmente uma determinação judicial pode demorar até mesmo 40 dias, a depender do tribunal. Por esse motivo, ao juntar as duas plataformas, será possível ter acesso a esse tipo de processo de maneira mais rápida.

A especialista lembra que neste momento apenas os benefícios por incapacidade estão sendo tratados através dessas plataformas. Porém, a expectativa é que no futuro mais demandas passem a se tomar lugar no novo serviço.

Isso porque a ideia é que todos os tipos de benefícios concedidos de maneira judicial possam passar por esse procedimento facilitado.



G!O mkt
_______________
Filiado:
Logo CSB  



Logo FENATRACOOP
_______________
SECMESP
Rua Tiradentes, 289/293 - cj. 94
Campinas-SP - CEP: 13023-190
_______________
SECMESP
Rua Tiradentes, 289/293 - cj. 94
Campinas-SP - CEP: 13023-190
_______________
Filiado:

Voltar